Gustavo Krause debate democracia e autoritarismo no Roda Viva Pernambuco

Nesta terça-feira (6), o programa Roda Viva Pernambuco recebeu um convidado que desempenhou uma longa carreira política, ocupando alguns dos cargos mais importantes do Executivo e Legislativo brasileiro. Gustavo Krause, ex-governador de Pernambuco e ex-prefeito do Recife, esteve no centro da sabatina que discutiu temas centrais para o país. O âncora Aldo Vilela e a bancada de entrevistadores conduziram o debate, que trouxe reflexões sobre democracia, autoritarismo e polarização, na TV Nova/TV Cultura.

Gustavo Krause fez longa trajetória política durante seus 72 anos de idade. Natural de Vitória de Santo Antão, foi prefeito do Recife de 1979 a 1982, nomeado pelo então governador Marco Maciel. Eleito vice-governador pelo voto direto em 1986, em chapa com Roberto Magalhães, ocupou o cargo de governador de Pernambuco após o seu afastamento. Foi também vereador, deputado federal e assumiu o Ministério da Fazenda e o Ministério do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Amazônia Legal. Filiado ao partido Democratas, atua ainda como advogado e palestrante. Hoje a sua filha, Priscila Krause, é deputada estadual de Pernambuco.

A bancada de entrevistadores que guiou a sabatina foi composta inteiramente por jornalistas. Estavam presentes Ângelo Castelo Branco, Gilvan Oliveira, Jairo Lima, José Accioly, Sérgio Montenegro e Marcelo Montanini.

No centro da roda, Gustavo Krause avaliou o processo eleitoral: “essa foi uma eleição crítica, que foge a todos os paradigmas, o que é expresso no resultado”. Chamou atenção para o processo do voto, que disse ter sido movido pelo medo, raiva e desencanto, e influenciado pelas mudanças enfrentadas na era digital. Debateu ainda o tensionamento na relação entre política e imprensa, assim como as raízes do autoritarismo crescente vivenciado pelo país.

O político desafiou a visão ideológica polarizada, alertando para o empobrecimento do debate intelectual e o que chamou de visão doutrinária. Conservador, defendeu o desvio de mudanças bruscas e rupturas, mas afastou-se do reacionarismo e ultranacionalismo, reafirmando a necessidade da pluralidade e olhar cuidadoso sobre a política externa. “Minha prática política sempre foi muito mais à esquerda do que a própria esquerda. Eu sou um liberal radical na política, um conservador na questão da economia”, disse. “O mundo é muito multifacetado para você ser apenas uma coisa. Na minha ação, o conteúdo é fortemente social. Norberto Bobbio é um liberal de esquerda. Mas eu não sou de esquerda”.

O Roda Viva Pernambuco vai ao ar todas as terças, às 21h15 durante o horário de verão, ao vivo na TV Nova/TV Cultura. Em horário alternativo, é retransmitido aos domingos, às 13h. É possível também assistir à entrevista completa na página do Facebook da TV Nova/TV Cultura e de Aldo Vilela.